Prefeitura amplia campanha de conscientização e volta a alertar para desperdício de água

Alto consumo leva DAE a repetir alerta e apelar para conscientização, enquanto realiza desassoreamento em trecho de captação para tratamento no rio Jaguari.

A Prefeitura de Jaguariúna, por meio do DAE – Departamento de Água e Esgoto – vem desenvolvendo uma campanha de esclarecimento e conscientização contra o desperdício de água tratada na cidade, que tem aumentado ultimamente devido ao forte calor e alguns hábitos errados de alguns, o que acaba prejudicando a maioria da população.

De acordo com o diretor do DAE, engenheiro Régis Totti Seben, o combate ao desperdício evidencia a preocupação com a qualidade de vida que a administração pública quer manter e ampliar conforme as necessidades dos moradores. Nesta terça-feira, 10 de outubro, uma máquina realizava o desassoreamento do trecho onde é captada água no rio Jaguari (fotos).

“Numa primeira etapa, estamos buscando a conscientização, mas é necessário deixar claro que medidas mais severas poderão ser adotadas, caso não consigamos reduzir o consumo com rapidez”, alerta. Entre as medidas recomendadas pelo DAE Jaguariúna estão:

– Reduzir o consumo e o desperdício de água gera, no mínimo, uma economia de 15% na fatura mensal.

– No local de trabalho, preocupar-se com o consumo ajuda na conscientização sobre o meio ambiente de forma ampla (água, esgoto, lixo orgânico, descarte de resíduos sólidos, etc).

– Nas empresas, isso agrega valores a qualquer ramo de atividade, pois reduz custos e despesas desnecessárias.

O vazamento também é um desperdício, portanto é primordial que o consumidor fique atento a algumas situações:

1- Quando o consumo no hidrômetro, seja na residência ou no estabelecimento comercial, registra aumento sem causa aparente.

Neste caso, faça os testes (que são bem simples) para verificar a existência de vazamentos. Os tipos de testes estão disponíveis no sitio da Prefeitura: www.jaguariuna.sp.gov.br

Chame um profissional habilitado para identificar o vazamento e fazer os reparos necessários.

Há possibilidade de revisão dos valores cobrados pela conta de água. Para isso, fique atento aos prazos e consulte o DAE para os esclarecimentos sobre como proceder.

2 – Quando se deparar com situações de desperdícios evidentes, como pessoas lavando carros, calçadas ou até mesmo telhados, ligue para o telefone 156. A Prefeitura irá até o local para vistoriar e tomar as medidas necessárias para impedir a continuidade desse desperdício.

3 – Se ocorrer vazamentos no sistema público, seja um cidadão consciente: avise a Prefeitura pelo telefone 156, para que o DAE seja avisado e possa consertar o mais rápido possível.

Contas em dia

Manter as contas de água em dia ajudam a Prefeitura a investir cada vez mais no sistema de abastecimento de água e coleta de esgoto. Isso vale para todos os moradores pois ninguém vive sem água, um produto essencial para a vida de todos nós.

IMPORTANTE: Contas de água em atraso podem sofrer cortes de fornecimento, conforme prevê uma lei municipal. Nunca é demais lembrar que isso provoca aborrecimentos desnecessários. Evite esta situação desagradável para os dois lados: consumidor e Prefeitura.

Reportagem: Aluízio Santana

Fotos: Ivair Oliveira