Prefeitura entrega novo laboratório de análises químicas com capacidade ampliada

A Prefeitura de Jaguariúna inaugurou na tarde desta segunda-feira (17/09), o novo laboratório da ETA (Estação de Tratamento de Água) do Departamento de Água e Esgoto (DAE), que teve ampliada sua capacidade de realizar as análises químicas da água tratada e distribuída à população.

De acordo com a diretora do DAE, Luciana Carla Ferreira de Souza, o novo laboratório tem capacidade para realizar aproximadamente 5.289 análises por mês. Além disso, o prédio teve suas instalações ampliadas, passando dos atuais 44 para 122 metros quadrados, o que melhora bastante as condições de trabalho da equipe responsável pelas análises.

O prefeito Gustavo Reis participou da cerimônia e do descerramento da placa e enalteceu o trabalho desenvolvido pelos técnicos do DAE. Segundo ele, a responsabilidade de coletar, tratar e distribuir água potável para uma cidade como Jaguariúna é enorme.

“Lembro que o empenho dessa equipe foi comprovado no ano passado, quando tivemos uma crise hídrica e eles deram conta, mostrando sua capacidade técnica e profissional nessa tarefa fundamental para nossa cidade”, elogiou.

De acordo com a secretária de Meio Ambiente e vice-prefeita, Rita Bergamasco, que tem o DAE sob seu comando, a confiança do prefeito no trabalho da equipe e as respostas rápidas às soluções apresentadas foram essenciais para que a cidade avançasse no tratamento da água que a população recebe em casa.

“Há mais de 20 anos não tínhamos investimentos nesse setor, e hoje, em apenas 8 meses, passamos para quase 24 mil análises mensais, ou seja, temos uma capacidade de trabalho quatro vezes maior. Isso é garantir saúde, qualidade de vida e, ao mesmo tempo, investir no futuro”, disse a secretária.

Qualidade comprovada

A diretora do DAE, Luciana Souza, lembrou ainda que as análises atestam a pureza e a qualidade da água tratada que é distribuída pela ETA central para toda a cidade. O laboratório analisa, também, a água consumida por moradores do Condomínio Ana Helena e do poço artesiano que abastece as comunidades dos bairros Santo Antônio do Jardim, Bom Jardim e Floresta. Juntas, todas essas análises somam 63.468 por ano, conforme a planilha do DAE.

A Prefeitura também investiu na compra de equipamentos para o novo laboratório, com destaque para 01 espectrofotômetro, 01 analisador de íon seletivo, 02 agitadores magnéticos, 01 agitador eletromagnético com aquecimento e 01 Destilador. Dessa forma, ainda segundo a direção do DAE, o novo laboratório passa a ter estrutura suficiente para dar conta da demanda ao longo dos próximos 20 anos.

Além do prefeito e da vice-prefeita (também secretária de Meio Ambiente), marcaram presença na cerimônia os secretários Renato José de Almeida Chaves Filho (Tenente Renato/Segurança Pública), Cristina Pinto Catão Bonini Hosikawa (Educação), Paulo César Altheman (comandante da Polícia Municipal) e Fernanda de Sousa Rodrigues Tesche (diretora da Defesa Civil).

A Câmara Municipal foi representada pelos vereadores Afonso Lopes da Silva (Silva/vice-presidente/PPS), Cássia Murer Montagner Cássia/PR), Davi Hilário Neto (Davizinho/PTB), Walter Luís Tozzi de Camargo (Waltinho/MDB), Ângelo Roberto Torres (Neguita Torres/PTB) e José Muniz (Zé Muniz/PTB).

Reportagem: Aluízio Santana

Fotos: Ivair Oliveira